Desafio da Serra da Jiboia

Nossa aventura começou na noite antes do dia do pedal. Encontro no Posto da Pamonha e muita chuva no caminho para a fazenda onde iríamos dormir e não deu outra: no trecho de terra muitas derrapadas e no finalzinho uma cabine dupla atravessada no meio da estrada e muito cuidado para passar. Chegando à fazenda, os sogros de Elson nos esperavam com um jantar prá lá de gostoso. Cinco da matina Coquinha acorda todos com uma "explosão" do seu colchão de ar, com muita risada. Café reforçado e partimos para o pedal: eu, Elson, Coquinha, Popó,Reinaldo, Mauro e Tiago, cada um mais forte e determinado a passar pela Jiboia, do que o outro. Primeiro um estradão para soltar a perna, depois fotos na Igreja muito simpática do Povoado de Santana e entramos no primeiro trecho de single em um campo que mais parecia um imenso tapete verde. Aí começaram os pneus furados, logo três de cara. Depois de consertados, passamos por uma mata e iniciamos as INTERMINAVEIS subidas até chegarmos em uma maravilhosa cachoeira, onde um banho demorado e uma manutenção básica nas bikes, deixaram o conjunto homem/Bike literalmente zerados. Mais subidas...Mais subidas... e depois de um pouco mais de subidas, chegamos ao topo da serra. Agora sim, vamos descerrrrrrrrr..... Que maravilha, não podia ser melhor, um downhill incrível e logo vieram as quedas, primeiro eu, depois Coquinha, depois Coquinha, de novo, Tiago também e chegamos em baixo depois de muito descer. Agora estava na hora de voltar e tome pedal... Eu já sentia a perna quando veio uma tal de ladeira dos Dez. O que é isso???? Era que levava-se dez minutos para subir. Pronto, estava decretada a falência total de minhas pernas. Então veio uma descida em uma ladeira cheia de erosão e todos derraparam forte em uma curva, mas Mauro não ficou em cima de sua bike e visitou o chão, uiiii... Ai veio uma ladeira chamada “Pão”, mas para mim parecia bem feia. Pronto, minhas pernas se negavam a funcionar e só deu para continuar porque tivemos um pitstop no bar que dava origem ao nome da ladeira, Bar do Pão. Depois foi só chegar, com a sensação de ter passado por um pedaço do paraíso. Como não poderia ser diferente, comemoramos com umas cervejinhas e um bom churrasco preparado por nosso guia. Não podemos deixar de agradecer os sogros de Elson que nos receberam com muito carinho em sua fazenda e a todos do Mural que realmente fazem acontecer, OBRIGADOOOOO. Gerald.
VEJA O VÍDEO ABAIXO COM EDIÇÃO ESPECIAL E MUITOS DOWNHILL'S
AUMENTA O SOM!!!

CLIQUE NAS IMAGEM PARA AMPLIAR
























































8 comentários:

Anônimo disse...

Massa o vídeo da serra da Jibóia!! A trilha sonora ficou show!! Massa! Na próxima eu vou!
Abç,
Sapo

Marco Vinycios disse...

E esse adesivo do mural Elsão está a venda?

Que a vontade de pedalar nunca passe!!

GAUCHO disse...

ENQUANTO ESTAVA VENDO O VIDEO,RELEMBREI DE TODOS OS MOMENTOS QUE EU E ELSON VIVEMOS AO FAZER ESSE PERCURSO ALGUNS MESES ATRAS...E ME DEU VONTADE SABE DE QUE??
VOLTAR NOVAMENTE!!!PORQUE SÓ QUE ATRAVESSOU A SERRA DA JIBOIA SABE O QUE VIU E SENTIU...UMA SENSAÇÃO COMPLETA DE ALEGRIAE SATISFAÇÃO POR PRATICAR ESSE ESPORTE E DE USUFRUIR DE TODOS OS BENEFICIOS QUE ELE TRAZ PARA O CORPO,MENTE E ,NO CASO DA SERRA DA JIBOIA,PARA ALMA.
EU VOU VOLTAR!!!HSHSHSH
ABRAÇOS E PARABENS

josue disse...

ahhh me amarrei desta vez, mas dá próxima tô colado.

Rodrigo disse...

Parabéns guerreiros!!! Como sempre brocaram a Jibóia de novo!!!

Grande Abraço

Ricardo Popó disse...

É galera, este lugar é FANTÁSTICO, fazer este percurso, com a galera do Mural e os dois Dinos que lá estavam não tem preço!!!!! Temos que fazer a Serra 3 , com este mesmo percurso e incluir as torres que tal !!!!?? heim Elson e galera KKKKKKKKK

JP disse...

Parabéns galera ! Viva a aventura !Viva o Mural !!

Ramster disse...

Show de bola esta aventura!

Parabéns galera do NURAL!!!

Que neste ano que chega aconteça muitas e muitas aventuras como esta.

Abraço a todos!