Manifesto no CTM Paralela

Pessoal,
Como todos já sabem do ocorrido em Porto Alegre, onde um "monstrorista" atropelou vários ciclistas do Movimento Massa Crítica, amanhã terça-feira (01/03), faremos um pedal no CTM Paralela diferente. Levaremos uma faixa com uma mensagem de concientização para os motoristas e mostraremos nos semáforos.
Contamos com a presença de todos, afinal temos também que fazer a nossa parte!

FAREMOS TAMBÉM UMA DISTRIBUIÇÃO DE PANFLETOS!

Obs.: Mesmo local e horário do CTM Paralela. Mais informações clique aqui.

Mural de Aventuras.


Vejam abaixo o vídeo de Alexandre Garcia.
http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1447232-7823-ALEXANDRE+GARCIA+COMENTA+ATROPELAMENTO+DE+CICLISTAS+EM+PORTO+ALEGRE,00.html

Barbárie em Porto Alegre: Ciclistas são atropelados

Pessoal,

Revoltante o que ocorreu em Porto Alegre. Nem dá para acreditar do que uma pessoa é capaz de fazer, fiquei chocado em ver o vídeo.

É muito importante que todos divulguem os vídeos e acompanhe esse caso até o fim...

Mais informações no Blog da Massa Crítica de Porto Alegre:

http://massacriticapoa.wordpress.com/


Corujão 5

Olá, vamos nós mais uma vez, para mais uma aventura que começa de dia e termina de noite(madrugada desta vez srsrs). Foram 25 aventureiros, para mais um Corujão, sem saber nem sequer por onde íamos passar, mas estávamos todos ansiosos, nos preparativos como sempre, uns 2 ou 3 sem lanternas, sem pilhas e por ai vai, teve muito LADEIRÃO, SUBIDÃO, DESCIDÃO, SINGLE TRACK rsrsr, tentamos uma novidade, usar rádio comunicador emprestado por Nanal, para evitar os gritos no meio da mata e também evitar nos distanciarmos dos retardatários (rodas presa, rsrsr), mas não adiantou muito pois o povo com a vontade de pedalar tão alta, que nem adiantava falar, eles passavam direto das entradas, um tempo depois descarrega a bateria do rádio do PSICO (Elson), ai já viu, voltamos ao normal, com os gritos de PERAÊÊÊÊ, VOLTAAAA, JÁ CHEGOU TODO MUNDO? RSRSR, mas foi mais uma vez um Corujão ótimo, estréia de Pedrinho pedalando a noite que gostou muito, pois o sol não castigou a cútis do parmalat, hehehe teve gente pongando da luz do meu farol para economizar bateria e não ia ficar no escuro, teve corrida na escuridão de Sapiranga, onde todo mundo pensava que estava sendo filmado mas a câmera estava desligada... rsrs, perto de meia noite houve uma parada para pizza em Imbassaí, encheram o bucho, depois ficaram pedindo para ir devagar no asfalto, todo mundo cheio de pizza e gelosas, rsrs, menos eu. Faltou JP. Coquinha, Marcão, Renato, Rodrigo( vou não posso não). Mais uma vez um pedal massa e com a galera marcando presença. Que venha o Corujão 6! Josué.
VEJA O VÍDEO ABAIXO.
LIGA O SOM E AUMENTE O VOLUME!


CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR







































Trilha do Padre

Finalmente estava prestes a encarar minha tão esperada 1º trilha. O dia já começou com um sinal de que essa trilha não iria ser fácil, no caminho para o posto do Rei da Pamonha dei conta de que tinha esquecido meu camelback e por ser minha primeira trilha não tinha noção da IMPORTÂNCIA do camelback. Chegando no posto já havia um grande número de ciclistas. Após todos os devidos reparos, partimos para a trilha por volta das 06:30. Passando o asfalto da BR 324 nos encontramos com a galera de Camaçari ( por ser minha primeira vez, não sabia e continuo sem saber o nome de muita gente rsrs). Logo após a entrada da Fazenda Real encaramos logo algumas “ladeiras” que tiraram 70% da energia que eu tinha para essa trilha. Após mais algumas subidas e descidas chegamos a igreja, o ponto principal da trilha, lugar muito bonito, e com bastante sombra, propício para um bom descanso. Fizemos nossas orações, comemos, bebemos, demos risadas e voltamos ao pedal. A partir daí tivemos um trecho de single trak muito legal para deixar qualquer um com vontade de voltar na próxima vez. Após um tempo pedalando fizemos nossa grande parada para descanso, água, cerveja, energético, amendoim, castanha, sanduíche, biscoito, bolacha, rapadura, parecia uma feira livre, para piorar o mercadinho estava assando alguns frangos que deixou todos com mais fome ainda. Essa parada foi fundamental para recuperar as energias. A partir daí seguimos alguns km pela estrada mas logo voltamos para a trilha. Após mais algumas subidas, caminhos errados e descidas rápidas com bastante obstáculos, chegamos a fazenda de um senhor muito hospitaleiro que nos recebeu oferecendo água e manga. Como tudo que é bom dura pouco voltamos ao pedal para continuar nossa jornada. Para alegria do meu corpo a trilha já estava no fim, demos uma última parada na Fazenda Real, inclusive para ver a possibilidade de fazer uma trilha por dentro da região, e seguimos para o Rei da pamonha. Infelizmente não tenho como contar muito o que aconteceu com a maioria dos ciclistas pois durante boa parte da trilha eu estava bem no fundo, e era uma alegria para mim quando alguém pedia para parar por causa de algum reparo rsrsrs. Mas sei que tem um vídeo, pois eu vi, em que estávamos num single trak no qual Élson causou um “desflorestamento” ao não conseguir parar a bike e ir mato adentro. Enfim, apesar de muito cansado, consegui sobreviver a minha primeira trilha e foi uma experiência inesquecível! Quero agradecer a todos pela paciência e orientações que me deram durante toda a trilha, estou ansioso para a próxima. Abraços Lincoln.
LIGA O SOM, AUMENTA DO VOLUME E VEJA OS VÍDEOS ABAIXO!


video
Relevo em 3D da Trilha - Enviado Por Helder


ALTIMETRIA DA TRILHA


CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR


































PÉROLAS!!!