Trilhas Atlântico Bike de 10 e 18/09 em Abrantes

Realizamos mais uma trilha em Abrantes da programação Atlântico Bike Setembro, apesar da data transferida de 17 no Sábado para 18 no Domingo, o pessoal compareceu em bom número para prestigiar e curtir mais esse desafio vale à pena lembrar que mais uma vez houve um atraso significativo para saída, gostaríamos que todos ficassem mais atentos a programação do horário, pois acaba prejudicando pessoas que chegaram no horário previsto e fizeram sua alimentação para um período determinado e programação de retorno, saímos do ponto inicial combinado pela estrada do Coco até alfa ville, até aí só asfalto, todos muito relaxados e tranqüilos...

Segue depoimento do participante Tácio Meireles.

“Logo que entramos na trilha achei que seria fácil (não sabia o quanto estava enganado). Algumas subidas e descidas simples, fomos pela estrada de terra até chegarmos num lugar que de acordo com Jairo chamava-se Pau Grande. Foi La que pegamos a primeira descida de cascalho que fez um teste nos nervos de aço de alguns. E como todo ciclista já sabe depois de uma grande descida vem uma enorme subida que foi superada por todos com muito esforço. A ideia de monotonia e facilidade deixou a minha cabeça rapidamente.
Pegamos um caminho que a essa altura eu já não sabia direito onde era, mas, nos permitiu vários single track’s com muita emoção e descidas que exigiu muita calma e técnica de todos os “bikers” depois de muitos caminhos sinuosos como esse, que fez esse ciclista e autor desse texto “beijar o chão”. Já estávamos em direção ao Balneário de Jorrinho, onde cruzamos com um grupo de ciclistas, que nos acompanhou para um delicioso downhill até o mesmo.
Aproveitamos para nos reabastecer de líquidos e um bom lanche, para recuperar toda energia deixada para trás, e alguns para tomar banho. Depois de muita resenha e descanso merecido, pegamos a estrada de volta, agora na base da garra, pois, o sol não facilitou a vida de ninguém. Chegamos à Cascalheira. Deixei o grupo em frente à Vila de Abrantes, pois, tinha chegado em casa.”

Aqui parabenizamos a participação de todos, fica registrado o batismo da primeira trilha de Débora Barreto e Fonseca, contra tudo e contra todos, Débora superou todos os limites, pois sua bicicleta mostrou-se totalmente limitada as dificuldades e os tipos de terreno.

E assim foi realizado com sucesso mais uma trilha Atlântico Bike em Abrantes. Tácio Meireles.

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR




















6 comentários:

Elson disse...

Muito trilha em Abrantes!

Estou colado na Trilha em Sapiranga nesse Sábado!!!

Ricardo Popó disse...

Vendo estas fotos , e se buscar nos arquivos do Mural no inicio do ano de 2009 pode-se ver a semelhança,muito legal lembrar também faz bem, podemos ver o ciclista Chiquinho, e outros KKKKKKK,sem querer sacanear né, mas muito legal.Sabado trilha sapiranga, areia, pastilhas nova, derrepente!!!!! Aiaiai!!

Ramster disse...

Muito legal ver essa galera se preparando para as trilhas de maior nível, mas também vejo gente da velha guarda se recondicionando pra voltar com chave de ouro. Em breve estarei junto com vocês me recondicionando para as trilhas do Mural.

Valeu ATLÂNTICO BIKE, MURAL DE AVENTURAS e a GALERA (cheia de empolgação).

PEDALE SEMPRE! SE PARA VOCÊ CAI.

Anônimo disse...

Ratones, fale menos, faça fisio, e volte, soube que vc até perdeu a a barriguinha. Pelo jeito sua frase se aplica a vc né , tá pedalando nada, tá parado, hum sei não!!!!!

Anônimo disse...

Essa moçada é mala!!!! Parabéns Mural!!! Muitas saudades!!!!! CHOIU

Lucas disse...

De + essas trilhasadorei o percusso como foi dito em abrantes tem muita trilha