Trilha Cachoeira do Urubu 6 - A Grande Fenda

É galera! Depois de um ano e três meses de Mural, me bati com umas das trilhas que, na realidade, sabia que não era pra mim. A trilha, em si, não foi tão difícil, mas minha bike estava sem revisão há seis meses.  Fui por fome de pedal com a galera do Mural, mas vamos lá!
Aquele sábado (06/10/2012) começou mais cedo pra mim. Quatro e vinte da matina e eu já estava de pé. Combinei de ir com Adriano, então marcamos para sair às 5h, mas, como sempre, ele às 04h30min, já estava na minha porta: “partiuuu”.
Quando estava no carro falei “hoje eu devia ter ficado em casa”. Eu vi o tempo fechando e pensei: eu quero voltar! Hahahah… Paramos no ponto de encontro, Rei da Pamonha, quando o Muralista Rei como de costume soltou a sua frase: “David, hoje você vai morrer” - é um abestalhado mesmo. Ficamos esperando, Ramster, como sempre, atrasado. Quando ele chegou, partimos em direção a Amélia Rodrigues. Quando chegamos em Amélia Rodrigues. Eu logo pensei: fudeu!  Agora já era.
Logo de cara, o “primeiro Urubu”: a notícia que não teria o Feijão. “Segundo Urubu”: a bike de Helinho com problema. Bom, agora tudo pronto. Vamos partir... “Pera”, “pera”, o “terceiro Urubu”: minha catraca estava solta, hahaha UELTON, como sempre, com toda sua paciência e sem ferramentas conseguiu consertar. Agora sim! Partiuuu…
Atravessamos a BR. Aí começou a brincadeira muito “ladeirão” e “descidão”. Até que pegamos um trecho de asfalto - tudo que eu não gosto - vamos subir e subir, que uma hora vai ter que descer. Finalmente: “descidão”
Elson olha logo pra mim e fala “devagar”. Logo com quem?! Coroão coroinha pra baixo nós vamos descer. Quase atropelo dois Muralistas... dedo no freio, mas de boa, vamos lá. Quando já estava lá embaixo, quase um minuto, o restante aparece. João, logo de cara, chegou me dando esporro, dizendo que eu quase derrubei todos. Tomei esporro.
Voltamos para a trilha. Obaaa! Estou em casa. Elson e Rei falavam na frente: vamos filmar que é descidão. Rei voava na frente e eu logo atrás, barril puro. Elson e Rei falando que iria me filmar... Aí vem coisa! Descida muito bala  - era cair e morreeeer. Hahahha… O Cangaceiro tomou um capote que foi feio, mas não morreu. Vamos para frente já para chegar na linha do trem. Uma parede para subir, todos os Muralistas subindo e Rei lá em cima “rumando” mamona na galera… Valeu!
Como de costume, vamos explorar novas trilhas para a cachoeira. Descobrimos uma linda cachoeira que batizamos de “Urubuzinho”! Depois, de repente pente~pente~ pente… o vale do paredão dão~dão~dão… o maior barril,ril,ril, quanto eco, eco , eco, que os Muralistas teve que encarar ar~ar~ar… tivemos que descer um morro de mais de 100 metros de altura. Foi meia hora pra ver como iríamos descer. Mas isso é Mural de Aventuras e decidimos encarar! A galera gritando Elson son~son~son, foi uma onda. As bikes foram descendo uma de cada vez. Muito bala!
Já na Cachoeira do Urubu... Muito linda! A parada pra renovar! O lugar, apesar de lindo, estava com muito lixo… como de costume, contribuímos com a natureza, dando uma geral no intuito de reduzirmos a quantidade de lixo. Partiuu!!!!
A trilha foi tão bala que já era para ter acabado por ali mesmo. Foi muita adrenalina para uma trilha só. A partir deste momento, foi só “Urubu”. Já nos trilhos, o “Quarto Urubu”: o pneu de Morango lascou nas pedras do trilho. E UELTON como sempre dá um jeito. “Quinto Urubu”: A bike de Rei quebrou e teve que ser empurrado em toda trilha. Quem diria, até eu empurrei Rei. Hahahhaha
“Sexto Urubu”: A corrente da minha bike quebrou e Mandraque consertou com Uelton.  “Sétimo Urubu”: Ainda comigo, minha gancheira quebrou, e, mais uma vez, Mandraque consertou com Uelton. E, por fim, o “Oitavo Urubu”: ver Ramster dançando arrocha em bar que paramos para os “Urubus” terem que pagar a Coca-Cola. A parada no restaurante para o almoço e a volta como sempre em paz!!! Valeuuu Mural minha Porra~ra~ra~ra~ra~ra. David.
VEJA O VÍDEO ABAIXO. LIGA O SOM!
CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR








































































































6 comentários:

Andre Mandrake disse...

Essa edição da Cachoeira do Urubu vai ficar pra história.
Grandes descobertas.

Ed disse...

Demais Mural!Essa trilha foi massa.
E quando o caminho acaba e tem uma grande fenda,não importa o Mural desce heheh
Cahoeira do Urubu u u u,agora com eco o o o Parabens Mural al al al

welseman disse...

Muito legal. Quanto ao lixo realmente falta educação dos que frequentam o lugar. Vamos criar uma faixa ou placa para incentivar a limpeza da cachoeira! Valeu galera. Um exemplo de respeito ao meio ambiente.

JP disse...

Poha tem lugar novo na trilha !!!

Parabéns galera, não basta só pedalar, preservar e educar faz parte, até mesmo porque, devemos entregar o meio ambiente para a próxima geração, em melhor estado que recebemos!

Abraços e parabéns pelo empenho, afinal catar lixo deixados pelos outros e carregar nas costas por muitos quilômetros não é nada fácil.
JP

SERJÃO disse...

NÓS NOS DIVERTIMOS COMO CRIANÇAS, PEDALAMOS COMO ADULTOS E FAZEMOS A LIMPEZA POSSÍVEL COMO CIDADAOS EDUCADOS E COLABORADRES DO MEIO AMBIENTE.

SERJÃO disse...

NÓS NOS DIVERTIMOS COMO CRIANÇAS, PEDALAMOS COMO ADULTOS E FAZEMOS A LIMPEZA POSSÍVEL COMO CIDADAOS EDUCADOS E COLABORADRES DO MEIO AMBIENTE.