De Casa para o Trabalho de Bicicleta

Confesso que demorei mais do que deveria para começar a ir de bike para o trabalho. Um trajeto mais do que conhecido, afinal fazia parte do meu treino nos dias de quinta. Eu não tenha certeza se a logística funcionaria, até o dia que levei uma hora e meia para chegar em casa. Então pensei, amanhã vou de bike para testar. Deu certo!!! Já se foram 6 meses em que troquei o carro pela bicicleta na ida para o trabalho. São 20 minutos da Pituba até a Barra e o mesmo tempo no sentido contrário, chegando a 25 minutos quando o trânsito está muito congestionado. Na verdade, eu costumo torcer pelo engarrafamento pois torna minha locomoção mais segura, afinal carro parado não atropela ciclista. A distância é de 11 quilômetros e se você está achando muito, em janeiro próximo estou de mudança para Patamares. Já fiz o teste o meu novo percurso será de 20 quilômetros feitos em 40 a 45 minutos. Para dizer a verdade, a decisão de ir morar tão longe da Barra só foi possível por conta do uso da bicicleta. No meu caso especifico aproveito a ida e a volta do trabalho para treinar (pratico Mountain Bike com o Mural de Aventuras) e imprimo um ritmo forte tanto pela manhã como à noite. Salvador não é uma cidade para o transporte alternativo. As ciclovias existentes foram criadas para o lazer e não fazem parte de uma rede. Exemplo: de Amaralina até a Barra temos que competir literalmente por espaço contra os carros e ônibus. Não me conformo em ver as avenidas de vale da cidade prontas para receber ciclovias em seus canteiros centrais e nada ser feito. A ciclovia da Paralela deveria ser de ao logo de todos os seus 14 quilômetros. Mas isso não seria tudo, os motoristas deveriam ver o ciclista como um carro a menos e não como um estorvo. Uma campanha forte de conscientização é essencial. O Mural de Aventuras apóia e divulga essa luta, e 2 dos seus 4 coordenadores vão de bicicleta para o trabalho. Os outros 2 só não vão porque não é possível. Esperamos assim que esta postagem contribua para uma conscientização já atrasada dos moradores desta nossa "terra da felicidade". Vejam o vídeo abaixo! Abraço a todos. Reinaldo Cezimbra e Mural de Aventuras.

16 comentários:

Elson disse...

Esse vídeo retrata a dificuldade enfrentada pelos ciclistas nas ruas de Salvador-BA que vão para o trabalho de bicicleta (Pituba - Barra). Muito bom Rei!

Elson disse...

Rei, como você faz com a roupa do trabalho uma vez que pode chegar suado ou molhado da chuva?

eudesvb disse...

Parabéns Rei! Desejo que esse vídeo possa chegar nas mãos das pessoas responsáveis para a contrução de ciclovias, ciclofaixas e que outros trabalhadores possam usufrir delas, não precisando passar o sufoco que você passou.

Blog disse...

Show de bola, eu fiz Pituba - CAB durante uma semana, pois fiquei sem carro, meu maior problema foram os motoristas, pois pegava um pedaço da paralela, no tempo total fiz o mesmo tempo do carro (25 min
) !!! Elson sobre a roupa eu levava na mochila, calça, camisa polo e sapato, no local sempre tem um banheiro onde me trocava e me refrescava, molhando braço e cabeça, depois de 15 min vc ta beleza para o trabalho, não senti falta de uma ducha nao !! Mas se tiver melhor !!Abraço Edu Zanine

Blog disse...

Show de bola, eu fiz Pituba - CAB durante uma semana, pois fiquei sem carro, meu maior problema foram os motoristas, pois pegava um pedaço da paralela, no tempo total fiz o mesmo tempo do carro (25 min
) !!! Elson sobre a roupa eu levava na mochila, calça, camisa polo e sapato, no local sempre tem um banheiro onde me trocava e me refrescava, molhando braço e cabeça, depois de 15 min vc ta beleza para o trabalho, não senti falta de uma ducha nao !! Mas se tiver melhor !!Abraço Edu Zanine

Antonio Cerqueira disse...

Vou ao trabalho de bike 2 a 3x por semana. Costa Azul 》Comércio. 11 km e aprox. 36 min. Estão construindo um trecho de ciclovia no trecho da rótula do abacaxi até dois leões, mas infelizmente já virou estacionamento de automóveis.
Deixo a bike no multipark, onde tomo banho e troco a roupa de trabalho.

Antonio Cerqueira disse...

Vou ao trabalho de bike 2 a 3x por semana. Costa Azul 》Comércio. 11 km e aprox. 36 min. Estão construindo um trecho de ciclovia no trecho da rótula do abacaxi até dois leões, mas infelizmente já virou estacionamento de automóveis.
Deixo a bike no multipark, onde tomo banho e troco a roupa de trabalho.

welseman disse...

Realmente andar de bike em meio a um trânsito caótico requer muita perícia e habilidade. Vi muitos motoristas fechando sua bike, obrigando vc a mudar rapidamente a trajetória. Salvador!!! Acorda!!! A cidade está entrando em colapso quando o assunto é mobilidade urbana.

welseman disse...

Realmente andar de bike em meio a um trânsito caótico requer muita perícia e habilidade. Vi muitos motoristas fechando sua bike, obrigando vc a mudar rapidamente a trajetória. Salvador!!! Acorda!!! A cidade está entrando em colapso quando o assunto é mobilidade urbana.

Anônimo disse...

Pode ser que algumas pessoas ainda não saibam, mas estão prestes a se iniciar as obras do projeto "Cidade Bicicleta" do Governo do Estado, que pretende investir cerca de R$ 40 milhões em ciclovias e estruturas de apoio para ciclistas.

http://atarde.uol.com.br/bahia/salvador/materias/1467232-cidade-bicicleta-obras-devem-comecar-no-1o-semestre-de-2013

Ed disse...

Realmente andar de bike nesse trânsito constitui se um desafio a todos os ciclistas por infelizmente na haver respeito de alguns motoristas seja de carro pequeno bem como os grandes bem retratado por Vc Rei no vídeo.Tem que lembrar que são vidas numa bicicleta pelo menos isso.Que Deus ti proteja sempre e a todos nós ciclistas .

JP disse...

Ir de bike para o trabalho é show. Vou de 2x a 3x por semana. A dificuldade é grande mas já sindo melhora em relação aos motoristas de carros pequenos. Os motoristas de ônibus continua, em sua maioria, truculentos.

Não sabia da ciclovia da rótula, vou passar lá uma hora dessas para conferir.

JP

odair disse...

Estou retornando a Salvador após 02 anos, e como vou trabalhar na Paralela escolhi também morar na Paralela (rss) e aproveitar o canteiro central para ir trabalhar de bicicleta pois não suporto mais este trânsito.
Parabéns pela iniciativa
Odair

João Ramos disse...

Valeu, parabens pela iniciativa. Eu tb vou de bike do Imbui ate Ondina 2 a 3 vezes p/ semana, mas uso sempre a ciclovia até amaralina, depois vou pela rua e rezando muito...rsrs.

Rei disse...

Com relação à roupa, tenho sorte de ter no escritório um banheiro completo onde posso tomar um banho, pois se ttrata de uma antiga casa onde se manteviveram os sanitários. Por conta disso, levo minha calça social e camisa de botão tudo dobradinho e dentro de um saco na mochila pois em Salvador o tempo pode mudar de uma outra para outra. Valeu pessoal pelo apoio!!!

Maurício - Morango disse...

Ótima prática, essa de ir ao trabalho de bike. Pena que não temos muita segurança no transito. Muitos motoristas ainda são egoistas, pensando apenas neles e nos colocando em risco.
Sempre que posso me desloco de Feira de Santana até Amélia Rodrigues (30 Km) com tempo médio de 55min, onde tenho um ponto de apoio para trocar de roupa e depois ir trabalhar, em Camaçari.
Parabéns a todos.