5 Novos Fotolivros do Mural de Aventuras

Olá pessoal, 

É com grande satisfação que anunciamos o lançamento de mais cinco novos Fotolivros do Mural: 

  • Expedição Chapada Diamantina
  • Expedição TransMantiqueira
  • Expedição TransAndes
  • Especial Cachoeira do Urubu - 10 Edições
  • Especoal Ilha de Itaparica - 10 Edições
Os Fotolivros do Mural é um forma diferente de apreciarmos as nossas aventuras. Para isso, foi criada uma sessão exclusiva (Fotolivros) no menu no site do Mural de Aventuras.

Aproveitamos a oportunidade para agradecer a Rei pela edição de mais essas edições, ficaram show!!!!

Esperamos que aproveitem!!!

Os fotolivros são melhor visualizados através de telas maiores, quem for acessar por smartphone terá dificuldade. Colocar em modo fullscreen para melhor visualização.

Veja os Fotolivros no link:

1° Dia Ciclo Aventura Costa do Descobrimento: De Prado a Cumuruxatiba

Quando soube que o destino dessa galera no feriado de 21 de abril seria o Sul da Bahia, achei que seria uma ótima oportunidade de conhecer lugares novos, praias inexploradas e belas paisagens.
Inscrição feita, compra de material realizado, tudo pronto e chegado o dia, fomos eu e Alex para a Rodoviária de Salvador, encontrar parte da galera da aventura. Porque João Rider Ramos, estaria em Itamarajú e Luiz em Prado.
No momento que o motorista do busão encaixou a primeira marcha de arranque, Elson gritou uma das marcas registradas do Mural de Aventuras, o tradicional “PARTIU”®, e fomos nós com destino a Itamarajú, com escalas em Santo Antônio de Jesus, Itabuna e Eunápolis.
Chegando a Itamarajú, encontramos João Rider Ramos, que nos esperava desde às 05:30 da manhã, doido para botar a magrela para girar. Entramos em dois carros que nos levariam a Prado. Fomos: eu, João, Nino e Alex, no carro de Gileno do Cobalt, o homem que conheceu MUNDÃO DE DEUS, foi motorista de Daniel, o cantor, e tantas outras peripécias.
Em Prado nos encontramos com Luiz e Diana (sua esposa), além de Ronaldo, ciclista local do grupo Prado Bike que veio nos recepcionar e desejar boa sorte, ficou com a dívida pois não pedalou conosco!
Montadas as bikes, fomos para a primeira foto oficial da Ciclo Aventura, com um caminhão de “Mudanças e Cargas” ao fundo, para mim nada mais original.
Fizemos um city tour por Prado. Igreja matriz, Porto, Praia e chegando a Praça do Centro, surgiu o primeiro crédito de Coca-Cola a ser debitada na conta de Luiz. A válvula do pneu estava vazando. Reparo feito, seguimos em direção a primeira dica de Ronaldo, e tomamos destino a Praia da Paixão. Eu não achei nada adequado, 8 homens passarem uma tarde de Sábado de sol em uma praia com esse nome, mas como eu não conhecia, de qualquer jeito seria lucro.
O pedal foi por estradão, que tende a ser entediante, mas esse foi bastante diversificado, porque era cheio de curvas, ladeiras e mirantes em falésias.

Ghost Bike em Lembrança da Morte de José Jorge

No dia 26/04 será realizada a cerimônia de instalação da Ghost Bike em lembrança da morte de José Jorge. Divulgue e participe para que este alerta seja ouvido pelo máximo possível de pessoas e assim todos que avistarem a bicicleta branca saberão que ali uma vida se perdeu.
Leia mais sobre Ghost Bike aqui: http://vadebike.org/2013/02/ghost-bikes/


Classificados: Vendo Giant ATX PRO

Quadro Giant ATX PRO tamanho médio
Indicada para pessoas com 1,65 até 1,80 de altura
Amortecedor regulável SR SUNTOUR
Coroa SR SUNTOUR
Rolamentos, Câmbio SHIMANO ALIVIO
Canote e banco Giant
Freio a disco mecânico
Pneus CONTINENTAL MTB com fitamento NOVOS
Aro duplo com raios de alumínio

POUCO USADA EM TORNO DE 250 KM

Bike SUPER CONSERVADA PEÇAS NOVAS EXCELENTE CONFIGURAÇÃO

Valor: R$ 1.450,00. ACEITO PROPOSTAS

TIM 9118-9049 ZAP
VIVO 9947-0950
CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR



Trilha Sapiranga All Inclusive

Trilha da Reserva Sapiranga dia 04/04/2015. Chegando à Praia do Forte notei que era o primeiro, então me tranquilizei fui procurar uma vaga, lembrei que Elson tinha pedido para levar bastante água como não tenho a mochila de hidratação, comprei logo uma garrafa de 1,5 litros e coloquei na mochila comum, junto com biscoitos e o gelol, claro rsrsrs.
Depois de me arrumar, fui ao ponto de encontro, chegando lá estavam alguns Muralistas reunidos e logo depois outros foram chegando, aproveitei para logo aplicar o gelol no joelho podre rssrs, nisso a conversa rolando já ouvindo uns chiando dos 60km que achavam que não iriam aguentar rsrsr  conversa vai, conversa vem, Elson grita: -PARTIU!!! .
A trilha começou com o areal bonito daquele jeito, todos pedalando em uma bela formação até que logo no inicio em certa descida larguei o freio, woohoo adrenalina no final da ladeira o colega na frente deu uma freada brusca, eu desviei e fui direto à árvore acertar a compra do terreno rsrsrsrsrs. Logo depois já foi me aparecendo ladeiras com o areal bem bonito e fofo chamando, venha, venha suba pedalando (NQSF) fui empurrando mesmo, eu e mais alguns. Foram muitas subidas, mas o areal valeu muito a pena. Ainda estávamos no inicio da trilha, quando Elson avisou que para quem quisesse desistir aquele seria o melhor momento, a partir dali ficaria mais difícil, éééé, ninguém quis voltar... Fica quem quer, vai quem aguenta, tem hora pra começar, mas não tem hora para acabar, rsrsrs.
Nisso o sol começou esquentar já fui perguntando se tinha algum rio pra me refrescar, o bicho estava pegando, me sentia em um treinamento militar e meu joelho doía muito. Quando entramos no eucaliptal, Italo gritou com câimbra nas pernas, logo ele que até então estava sempre na frente!! A partir dali ficou mais atrás... rsrsrs. Adriano também chegou a passar mal, teve fraqueza , caruara mesmo... rsrsrs. Tiveram outros que desistiram da trilha e voltaram no meio do percurso, Leonov teve os raios da roda traseira quebrados e conseguiu fretar um buzu para voltar, na verdade quase paga 70 reais a um carreto a sorte dele que apareceu na hora um buzu por 2,50. Nesse momento meu gelol estava no fim... rsrs.

Trilha Circuito Copa Mosso de 2014 - Feira de Santana

Como sempre as trilhas em Feira de Santana são bem desafiadoras e cansativas, a região tem um clima muito quente e uma vasta variedade de trilhas que expõe o ciclista a situações empolgantes. Sem contar que a recepção sempre é de primeira linha com o nosso grande amigo João Mauricio (Morango), que sempre esta com pessoas do bem na recepção.
Eu, Serjão e Rei combinamos de ir juntos, saímos tão cedo que quando passamos no ponto de encontro decidimos ir andando para Feira, quando o pessoal estava saindo do ponto de encontro nós já estávamos tomando café no Rei da Pamonha de Feira. Uma pena que essa disposição de andar na frente, não se refletiu na hora de pedalar... Definitivamente esse não foi o meu dia, assim como o de meu amigo João Herrera... teve outros que sobreviveram mas não vou citar nomes! Rsrsrs
O percurso da trilha era o da Copa Mosso do ano passado, aproximadamente 40 km, saindo da pedreira e retornando para a pedreira. O percurso tinha muitas variações de single, descidas técnicas, corredores, subidas onde muitas carregava a bike em degraus naturais, estradão e verdadeiros Rock Garden exigindo muita técnica do piloto. O inicio foi alucinante, pois pegamos uma variação de single descendo onde era um prato cheio pra soltar o freio... Essa primeira etapa, que eu considero os primeiros 20 km tivemos muita emoção em trilha até a parada estratégica em uma bar na estrada de Ipirá. Quando retornamos, começou os problemas... A Bike full do nosso amigo Herrera apresentou uma folga na balança, tentamos tirar, mas não conseguimos, o máximo que foi possível foi reduzir um pouco a folga. Nisso o clima começava a ficar mais quente, e muito quente, por varias vezes o GPS mostrava a temperatura de 45°C tinha um sol pra cada um acompanhando a trilha. Essas condição somadas a outras variáveis começou acelerar o desgaste do corpo, e a trilha começou a ficar sofrida.

Novo Muralista: Renato Guimarães de Miranda

Bem-vindo ao novo Muralista: Renato Guimarães de Miranda. 
Em breve atualizaremos a página "Muralistas" com a foto do mesmo de uniforme padrão!

Trilha Riachão - O Desafio Vale do Jacuípe

Sexta-feira, aquele clima bom de fim de semana, pedal a vista e de upgrade um fim de semana na fazenda, ou seja, animação total!!! Caiu a noite, partiu pegar BR rumo a Riachão do Jacuípe!!! Todos já chegaram na fazenda da Muralete Carla Dias animados e famintos, sem problemas, como boa anfitriã, ela deixou a mesa farta e todos nos reunimos pra um bom papo e uma ótima refeição. Alimentados, cada um já pegou seu rumo pro descanso merecido porque no outro dia Elsão disse que acordaria a todos 5:30.
Clima de fazenda, o galo já tinha cantado, mas o Sol não tinha raiado ainda, já estávamos todos de pé ao redor da mesa tomando café em mais um baquete farto (sem problemas essa comilança toda porque a trilha era longa e ia gastar todos nossos créditos calóricos). Bem alimentados, aquele corre-corre animador de arrumar mochila, vestir a armadura do Mural, arrumar a bike e seguir pra cidade pra encontrar a galera da região que iria nos guiar no percurso do DESAFIO DO VALE DO JACUÍPE – 70KM (que virou 80km no final).

CTM Paralela Especial com Transmissão Online

O  CTM Paralela dessa semana foi realmente diferente. Pela primeira vez transmitimos em tempo real o percurso que estávamos fazendo, quem não foi pedalar conosco, pode ficar de longe acompanhando o nosso pedal, inclusive algumas fotos foram enviadas durante o trajeto. Cada vez mais iremos melhorar esse recurso. O trajeto também foi algo único, encontramos boas ladeiras de barro e descidas alucinantes em asfalto totalmente deserto. Quem foi pode perceber que até na cidade o Mural busca aventura! Até a próxima semana. Bora Mural!!!
Saiba mais sobre o CTM Paralela no link http://muraldeaventuras.blogspot.com.br/p/ctm-paralela.html
CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR














Novo Muralista: Antonio Brasil Trindade Júnior

Bem-vindo ao novo Muralista: Antonio Brasil Trindade Júnior (Brasil). 
Em breve atualizaremos a página "Muralistas" com a foto do mesmo de uniforme padrão!